sábado, 21 de novembro de 2009

NOSTALGIAS

SENTI SAUDADES DAS COISAS SIMPLES
DOS MOMENTOS ÚNICOS
DA ALEGRIA EFÊMERA
ETERNIZADOS NA MEMÓRIA
REVIVIDOS POR LEMBRANÇAS...

QUÃO AGRADÁVEL
É FECHAR OS OLHOS
E REVIVER ESSES INSTANTES...
ÚNICOS,
INIGUALÁVEIS!

O GALO CANTANDO
PARA ANUNCIAR
MAIS UM PRESENTE DE DEUS,
O NASCER DE UM NOVO DIA!
UMA NOVA PÁGINA DA VIDA!

O MUGIR DA VACA
E O DESPERTADOR TOCANDO,
HORA DE LEVANTAR.

O CAFÉ POSTO NA MESA
O DIA CLAREANDO.
CORRER ATRAS DOS SONHOS,
SAIR PARA ESTUDAR.

JÁ COM A TERRA AQUECIDA
VOLTAR PRA CASA,
ALMOÇO PRONTO,
OS PÁSSAROS EM BUSCA DE SOMBRA,
E ALGUEM SAINDO PARA TRABALHAR...

AO ENTARDECER UMA BICICLETA
ERA AVISTADA,
CORAÇÃO PULSANDO FORTE,
A VOLTAR ELA JÁ ESTAVA!

UM PACOTE DE BOLACHA,
PEQUENOS DOCES,
E ALEGRIA RETOMADA NA CASA!

ANOITECEU,
O BOTIJÃO ACABOU,
É HORA DE DORMIR...

E ASSIM O GALO CANTOU...
MAIS UMA VEZ....

2 comentários:

  1. Essa é a história da minha vida por durante alguns anoos... em poema.

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog